COMO ESCOLHER A MANTA ASFÁLTICA IDEAL PARA SEU PROJETO

A seguir dicas e estudos baseados na NBR 9952-Manta Asfaltica

 

Como escolher a melhor manta asfáltica para seu projeto?

Dicas com Hélio Otto

Sempre analisar a Norma ABNT 9952 que trata da normatização das mantas asfálticas, um impermeabilizante de alto desempenho.

Precisamos analisar 3 pontos principais para selecionar a melhor opção para nosso projeto.

  • Saber qual a espessura, onde temos as principais de 3 e 4 mm que estão dentro das normas.
  • Saber qual o estruturante da manta, onde temos POLIETILENO tipo I, POLIESTER ou GLASS Tipo II, POLIESTER Tipo III e POLIESTER Tipo IV,
  • Uma das mais importantes é saber qual a qualidade da massa asfáltica que são classificadas como CLASSE A – 10°, CLASSE  B -5° e CLASSE C 0° onde defini a flexibilidade de cada manta em baixa temperatura e a vida útil de cada manta asfáltica.

ASFALTO TIPO A: É o mais rico em polímeros, logo tem maior desempenho e vida útil, para projeto que buscam vida útil da manta asfáltica superior a 15 anos deve especificar manta asfáltica com o asfalto tipo a. esse asfalto tem que passar no ensaio de flexibilidade a -10°c e a 0°c no ensaio de flexibilidade em envelhecimento acelerado da norma nbr 9952.

os fabricantes tem no seu portfólio um asfalto especial que é superior à norma, ele passa no teste de flexibilidade a baixa temperatura a -20°c, porém ele tem o custo maior que o asfalto tipo a (-10°c).

ASFALTO TIPO B: Tem o desempenho intermediário e por questão de preço é o mais utilizado nas obras, expectativa de vida útil +- 10 anos. esse asfalto tem que passar no ensaio de flexibilidade a -5°c e a 5°c no ensaio de flexibilidade em envelhecimento acelerado da norma NBR 9952.

ASFALTO TIPO C: Esse tipo de asfalto é utilizado nas mantas asfálticas mais baratas, as chamadas mantas asfálticas de “combate”, nos primeiros anos de vida útil todos os asfaltos tem os mesmos desempenho, porém o asfalto menos nobre irá envelhecer mais rápido. expectativa de vida útil para esse tipo de asfalto é +- 7 anos. esse tipo de asfalto tem que passar no ensaio de flexibilidade a 0°c e a 10°c no ensaio de flexibilidade em envelhecimento acelerado da norma NBR 9952.

ensaio de envelhecimento acelerado por ação do tempo

 

TIPOS DE ESTRUTURANTES E SEUS DESEMPENHOS

A norma estabelece resistência e alongamento para os estruturantes e os classificam como tipo l, ll , lll e lV:

ESTRUTURANTES TIPO I E II: Mesmo o estruturante tipo ll sendo mais resistente que o tipo l, ambos sempre terão papel de coadjuvante na impermeabilização. Eles são constituídos de polietileno ou fibra de vidro e devem ter alongamento mínimo de 2%.

ESTRUTURANTE TIPO III: É constituído de não tecido poliéster e deve ter resistência mínima a tração de 400 N e alongamento mínimo de 30%. Esse tipo de estruturante é utilizado com o asfalto tipo A ou B e é o mais usado para a impermeabilização de laje sem restrição de tamanho, piscinas e reservatórios.

ESTRUTURANTE TIPO IV: Também é constituído de não tecido poliéster, porém de maior gramatura e deve ter resistência mínima a tração de 550 N e alongamento mínimo de 35%. No geral esse tipo de estruturante é utilizado com o asfalto tipo A ou  asfalto especial (-20 °C), é o suprassumo da impermeabilização, é utilizado em áreas com grandes movimentações, aeroportos, estacionamentos, shoppings centers e projetos que buscam maior desempenho na impermeabilização.

ACABAMENTOS E FUNCIONALIDADES

Existem vários tipos de acabamento de manta asfáltica para atender cada necessidade da obra, os mais comuns são polietileno em ambas fáceis (PP), polietileno/areia (PA), areia em ambas fáceis (AA), polietileno/alumínio (AL), polietileno/grânulos de ardósia e polietileno/geotêxtil.

Manta asfáltica com face de polietileno é para aplicação com a utilização de maçarico e com a face de areia é para aplicação com asfalto quente (caldeira, que hoje é conhecida como aquecedor de asfalto).

Os acabamentos polietileno/polietileno (PP) e areia/areia (AA) são para as áreas que necessitam fazer a proteção mecânica (contra piso), pois esses modelos de manta asfáltica não podem ficar expostos ao sol. Os demais acabamentos, polietileno/alumínio (AL), polietileno/grânulos de ardósia e polietileno/geotêxtil, são mantas asfálticas auto protegidas, ou seja, podem ficar expostas ao sol e são utilizadas em telhado ou laje de cobertura sem tráfego de pessoas e veicular.

 

PARA MAIS INFORMAÇÕES CONSULTE NOSSO SAC

SAC

Abri WhatsApp
Posso Ajudar ?
Olá, para mais linfomações fale conosco por aqui mesmo, em tempo real!!!!
%d blogueiros gostam disto: